Anterior

Dario Furlan não quer deixar empresa Carmo de Souza ir embora enquanto não pagar dívidas

24/09/2015

Anterior

Próxima

Espetáculo infantil Minions será apresentado no Teatro Manoel Lyra

24/09/2015

Próxima
24/09/2015 - 13:52
Vereadores de Hortolândia visitam Rio Jaguari

 

Rio está com vazão boa após chuvas constantes de duas semanas

 

Os vereadores professor João Pereira (PR) e Zezé (PT) estiveram visitando as instalações da Sabesp às margens do Rio Jaguari, em Cosmópolis. O objetivo foi verificar como anda a vazão do rio que abastece a cidade de Hortolândia e checar os trabalhos realizados pela Sabesp.

Os parlamentares foram recebidos pelo encarregado de produção de água da Sabesp, Adriano Barbosa, que passou todas as informações de como anda a situação do Jaguari. “Fomos visitar o local para ver se havia água para abastecer a cidade de Hortolândia, pois da outra vez que eu estive no rio cheguei a andar em uma parte dele. Mas devido às fortes chuvas que tivemos há duas semanas a vazão está melhor”, comentou Zezé.

“Atualmente Hortolândia está recebendo 800 litros por segundo, isso graças às últimas chuvas. Esperamos que a vazão continue boa. A previsão é que teremos um bom período de chuvas este ano para continuarmos trabalhando com tranquilidade”, comentou Adriano.

MEIO AMBIENTE. Os vereadores também comentaram bastante sobre a necessidade de investimento na área de meio ambiente para amenizar os problemas de estiagem que assola o Estado de São Paulo. O vereador Professor João Pereira ressaltou a necessidade de investir em desassoreamento dos rios e também na recuperação de matas ciliares. “Os governos e população precisam se preocupar com a recuperação das matas ao redor dos rios, pois isso ajuda a aumentar a retenção das águas evitando problemas maiores de estiagem no futuro”, ressaltou.

 

Rio Jaguari

O Rio Jaguari é um rio federal que nasce em Minas Gerais, passa pelo Sistema Cantareira, junta-se ao Rio Atibaia para formar o Piracicaba e por fim, desaguar no Tietê.

Além de abastecer Hortolândia, também abastece parte da cidade de Paulínia e Monte Mor, totalizando 300 mil pessoas atendidas pelo sistema. Sumaré também fechou um contrato temporário para seis meses com 241 mil metros cúbicos só para casos de emergência.






Link:





Deixe seu Comentário


Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.