Anterior

Audax bate o Corinthians nos pênaltis e está na final do Paulistão

23/04/2016

Anterior

Próxima

Mirassol vence o Batatais fora de casa por 1 a 0

23/04/2016

Próxima
23/04/2016 - 22:02
Em tarde de Fernando, Santo André vence Barretos e fica perto da A-1



Santo André conquistou um importante resultado na briga pelo acesso noCampeonato Paulista da Série A2. Na tarde deste sábado venceu o Barretos, por 2 a 0, no Estádio Bruno José Daniel, em Santo André, pelo jogo de ida das semifinais. O destaque da partida foi o meia Fernando, autor dos dois gols.

Com o resultado, o Santo André vai à Barretos podendo perder por um gol de diferença para chegar á final e consequentemente garantir o acesso a elite de 2017. Enquanto o Barretos precisará vencer por três gols de diferença para sair de campo com a classificação. Igualdade no placar agregado levará a decisão para os pênaltis.

 

O duelo de volta entre os clubes está marcado para o próximo sábado, às 19h30, no Estádio Fortaleza, em Barretos.

SÓ DEU RAMALHÃO

Os primeiros dez minutos foram de pressão do Santo André para cima do Barretos. O time do ABC Paulista teve maior posse de bola e apostou nas jogadas pelo lado esquerdo com Paulo Vitor. Aos dois minutos, o lateral cruzou para Fernando, mas o atacante desperdiçou boa chance de abrir o placar.

A superioridade do Santo André foi ainda maior, pois o Barretos tinha dificuldades para trocar passes e principalmente para encaixar os contra-ataques. Numa das raras chances em que foi bem, aos 12, Chuck desceu em velocidade e jogou a bola na área. Ninguém aparece para completar. Depois

Aos 25 minutos, o Santo André exigiu reflexo do goleiro Júnior Beliato. Guilherme Garré arriscou de fora da área e o camisa 1 espalmou para o lado esquerdo. Depois disso o time da casa diminuiu o ritmo e deu mais espaço ao Barretos. O Touro do Vale aproveitou e com a bola nos pés passou a assustar. Antes do intervalo, aos 39, Chuck puxou contra-ataque, invadiu a área e chutou para ótima defesa de Zé Carlos.

 

VITÓRIA MERECIDA


No segundo tempo o Santo André aumentou as investidas. Logo no primeiro minuto o goleiro Junior Beliato precisou sair do gol e evitar finalização perigosa. Depois, aos cinco, Robson perdeu a melhor chance da partida. Ele recebeu bola dentro da área, ‘sambou’ em cima do adversário e finalizou em cima do marcador. O detalhe é que ele poderia ter tocado para o meio da área para um companheiro melhor posicionado.

 

De tanto insistir, o time do ABC Paulista abriu o placar. Aos 15 minutos, Fernando invadiu a área e chutou na saída de Junior Beliato. Só que ao contrário do que os torcedores imaginavam, o Santo André se fechou na defesa e esperou os contra-ataques para ampliar o marcador. Até por isso, o Barretos foi para cima em busca do empate.

Aos 25 minutos o Barretos quase empatou. O goleiro Zé Carlos saiu mal do gol após cobrança de escanteio e Jorge Preá cabeceou. O zagueiro do Santo André tirou em cima da linha. A resposta veio aos 28. Após bate rebate na área, Tiago Ulisses recebeu de fora da área e chutou forte. Junior espalmou.

Mesmo com uma postura mais defensiva, o Santo André chegou ao segundo gol. Garutti derrubou Robson na área e o árbitro marcou pênalti. Fernando foi para a cobrança e não desperdiçou. O Barretos ainda tentou descontar no ABC Paulista, mas parou na defesa adversária. Terá que correr no jogo de volta para vencer por dois gols de diferença e pelo menos levar o duelo para os pênaltis.

FICHA TÉCNICA


Fase
Semifinal
Rodada
1ª rodada
Data
23/04/2016
Horário
15h15
Local
Estádio Bruno José Daniel - Santo André (SP)
Árbitro
Flavio Rodrigues de Souza

Assistentes
Fabio Rogerio Baesteiro e Eduardo Vequi Marciano

Cartões Amarelos
Santo André: Adriano Apodí
Barretos: Guilherme Garruti, Jorge Preá

Gols
Santo André: Fernando 14' 2T, Fernando 34' 2T
Santo André
Zé Carlos; Adriano Apodi, Samuel, Diogo Borges e Paulo Vitor; Agenor, Tiago Ulisses, Fernando (Luciano Sorriso), Dudu (Robson) e Guilherme Garré; Antonio Flavio (Marcos Vinicius).
Técnico: Toninho Cecílio
Barretos
Junior Beliato; Lucas Mendes, Willian Mineiro, Guilherme Garutti e Cleidson; Diego Marzagão, Lídio (Diogo Araújo), Ualisson Pikachu (Luciano Mandí), Norton; Chuck e David Batista (Jorge Preá).
Técnico: Vilson Tadei
Fonte: AFI





Link:





Deixe seu Comentário


Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.