Determinado e com garra, União Barbarense vence o Taboão fora de casa

Determinado e com garra, União Barbarense vence o Taboão fora de casa

Por Roberto 14/02/2018 - 20:46 hs

Determinado e com garra, União Barbarense vence o Taboão fora de casa
União Barbarense vence o CATS por 1 x 0

Mesmo jogando fora de casa, o União Barbarenseconseguiu um bom resultado para respirar contra a zona de rebaixamento do Campeonato Paulista da Série A3. Na tarde dessa quarta-feira, o Leão visitou e venceu o Taboão da Serra, em pleno Estádio Vereador José Ferez, pelo placar de 1 a 0. O único gol do jogo foi marcado por Jean Natal, de pênalti, logo aos sete minutos do primeiro tempo.


Com o resultado, o União Barbarense chega aos 10 pontos mas segue degola, na 15ª colocação - porém com o mesmo número de pontos do Olímpia, que está em 14ª e é o primeiro time fora da zona de rebaixamento. Mas o Leão fica atrás por conta dos critérios de desempate. Já o Taboão da Serra, apesar da derrota, segue na parte intermediária da tabela, em 11ª com 11 pontos.


PRIMEIRO TEMPO


Jogando em casa, o Taboão da Serra ditava o ritmo da partida nos primeiros minutos, principalmente em jogadas rápidas pelo meio-campo, mas encontrava o União Barbarense bem postado, pronto para encaixar um contra-ataque e abrir o placar. Em um desses lances, o time visitante conseguiu chegar ao seu objetivo. Aos sete minutos, Igor invadiu a área e foi derrubado pela zagueiro Fernando. Ligado no lance, o arbitro marcou pênalti. Jean Natal foi para a cobrança e não desperdiçou, mesmo com o goleiro Ricardo Berna pulando do lado certo.


 

A partir daí, o Taboão da Serra voltou a se lançar ao ataque e equilibrou a partida. A melhor chance de empatar veio aos 27 minutos, quando Diego Souza cobrou falta com categoria, o goleiro Alan Tobias já estava batido no lance mas o atacante Wilker deu uma de zagueiro e conseguiu afastar a bola em cima da linha. Nos minutos finais, os dois times seguiram pressionando, mas o placar terminou mesmo com a vitória parcial do time visitante, por 1 a 0.


SEGUNDO TEMPO


Na volta do intervalo, os dois times foram com tudo para o ataque, buscando boas chances próximo ao gol adversário para mexer no placar. Aos 20 minutos, Marcelinho teve uma grande chance de deixar tudo igual no placar para o Taboão da Serra, mas mesmo cara a cara com o arqueiro do União Barbarense, acabou chutando pra fora. Enquanto isso, o time visitante sabia se defender bem e quando tinha espaço até assustava a equipe adversária.


Depois disso, o Taboão da Serra seguiu atacando porém quem ficou mais próximo de balançar as redes nos minutos finais foi o União Barbarense. Aos 37 minutos, Marcelinho que havia acabado de entrar, apareceu na área mas acabou cabeceando por cima do gol. Nos minutos finais, o Cats seguiu fazendo pressão pelo empate, mas sem sucesso. Até por conta disso, o jogo terminou mesmo com a vitória magra do time visitante, por 1 a 0.


PRÓXIMOS JOGOS


Os dois times já voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da décima rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Série A3. No sábado, o Taboão da Serra joga em casa mais uma vez, quando recebe o Marília, às 11h da manhã, no Estádio Vereador José Ferez. Um pouco mais tarde, às 17h, o União Barbarense recebe o São Carlos, na Toca do Leão em Santa Bárbara do Oeste.


FICHA TÉCNICA


Fase
Primeira Fase
Rodada
9ª rodada
Data
14/02/2018
Horário
16h00
Local
José Ferez - Taboão da Serra (SP)
Árbitro
Daniel Carlos Luciano Fernandes

Renda
R$ 350,00
Assistentes
Leonardo Tadeu Pedro e Ítalo Magno de Paula Andrade

Público
35 pagantes
Cartões Amarelos
Taboão da Serra: Vinícius Costa
União Barbarense: Alex, Lincoln, Alan Tobias, Edson Rocha

Gols
União Barbarense: Jean Natal 7' 1T

Taboão da Serra
Ricardo Berna; Edson Cruz, Vinícius Costa, André Luis e Lúcio; Fernando Lopes, Marcelinho, Caio (Caká) e Diego Souza;Somália (Romário) e Cecel (Gabriel).
Técnico: Axel

União Barbarense
Alan Tobias; Alex (Savio), Thiago Batista, Edson Rocha e Lincoln; Abuda, Claudinei, Jean Natal (Britto) e Renã (Romarinho); Wilker e Igor.
Técnico: Claudemir Peixoto

Fonte:AFI