Língua é uma forma de identidade

Por Oscar DAmbrosio 14/02/2020 - 10:43 hs
Língua é uma forma de identidade
Oscar DAmbrosio é jornalista e gerente de comunicação e mkt da Faculdade de Ciências Médicas de SP

Uma das principais características do ser humano é a sua língua natal. Trata-se de um elemento de identidade. Renegar o próprio idioma é uma atitude existencial, uma forma de se afastar das origens e de buscar alguma outra alternativa, que passa por novos valores e possibilidades de realização.

Vencedor do Urso de Ouro de melhor Filme no Festival de Berlim, o filme israelense “Sinônimos” tem como protagonista justamente um rapaz judeu que vai para a Paris. É roubado na primeira noite, mas, mesmo assim, seu desejo é fugir de todos os valores que lá aprendeu e, para isso, dominar a língua francesa é essencial.

Adquire um pequeno dicionário no qual estuda e busca se adaptar a uma nova realidade. Atua como segurança e até serve de modelos para fotos pornôs, mas somente consegue ser valorizado por um casal que conhece na sua primeira noite, para quem conta as suas histórias, que oscilam entre o dramático e o bem-humorado.

O diretor Nadav Lapid admite que o personagem tem muito dele mesmo, pois, assim como o protagonista, ele se afastou de Israel e se radicou na França. Mas o filme supera questões biográficas, focando na dificuldade de adaptação do imigrante, inclusive pelo processo de naturalização, que inclui aulas sobre valores franceses e aprender a cantar o hino nacional.

O filme é um poderoso repensar do que significa abandonar uma pátria e assumir uma outra. As tentativas esbarram na busca das palavras certas para se expressar e incluem a dificuldade de estabelecer relacionamento duradouros. O fracasso do protagonista nessa jornada mostra que entre o querer e o conseguir se integrar há uma longa e difícil jornada.

Oscar D’Ambrosio é jornalista pela USP, mestre em Artes Visuais pela Unesp, graduado em Letras (Português e Inglês) e doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Gerente de Comunicação e Marketing da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.