Avenida Carlos Botelho recebe 3ª faixa elevada para ampliar segurança de pedestres

Por Roberto 13/10/2019 - 20:17 hs

Avenida Carlos Botelho recebe 3ª faixa elevada para ampliar segurança de pedestres
Faixa elevada na Avenida Carlos Botelho


Os pedestres que passam pelo trecho do Jardim Santa Rosa da Avenida Carlos Botelho, contam com uma nova aliada para atravessar em segurança uma das vias mais movimentadas da cidade, que recebe grande fluxo regional de veículos. A pedido de comerciantes, a Coden (Companhia de Desenvolvimento de Nova Odessa) e o Departamento de Trânsito do município instalaram uma faixa elevada no local.


O novo dispositivo fica entre as ruas João Bassora e Carlos Pinto Camargo. “Fomos procurados por comerciantes que relataram a dificuldade que as pessoas estavam enfrentando para atravessar a avenida nesse ponto. Com base nisso, fizemos um estudo técnico junto com a Coden e resolvemos implantar a faixa elevada para dar mais conforto e segurança aos pedestres e garantir a acessibilidade de cadeirantes”, explicou o diretor de Trânsito e chefe de Segurança Municipal, Franco Julio Felippe.

A faixa elevada está nivelada com as calçadas dos dois lados da avenida e foram devidamente sinalizadas pelo Departamento de Trânsito. Além da pintura em branco e amarelo que indicam a existência do ponto de travessia de pedestres, a via recebeu sinalização de solo, nos dois sentidos, com o aviso: “Devagar. Faixa elevada”. Antes da implantação, havia uma lombada no local, que foi incorporada ao dispositivo.

Sônia Maria Sperque tem uma lanchonete em frente à nova  faixa elevada. Ela festejou a implantação do dispositivo. “Com a lombada, conseguimos reduzir a velocidade dos veículos e diminuir o índice de acidentes, mas as pessoas tinham dificuldade para atravessar a avenida, principalmente no final da tarde. Agora, com a faixa, vai melhorar muito a questão da segurança”., comentou a comerciante novaodessense.

É a terceira faixa elevada da Avenida Carlos Botelho. As outras duas ficam em frente à Secretaria de Educação e à Delegacia de Polícia, no Centro.




Apesar de dados estatísticos apontarem a eficácia da medida, a autoridade de trânsito pede aos pedestres que continuem atentos ao atravessar a via, olhando para os dois lados e se certificando de que está sendo visto pelos motoristas. Assim como nas faixas de pedestres convencionais, é proibido ao motorista estacionar ou sequer parar na elevada. Os infratores estão sujeitos a multa e cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), conforme previsto no Artigo 181 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro).


LOMBADA.


Além da faixa elevada, foi instalada uma lombada na Rua João Bassora, próximo ao cruzamento com a Rua Anchieta, também no Santa Rosa. “É um local de declive, onde os motoristas costumam descer em alta velocidade, colocando em risco as pessoas que caminham pela região, onde temos Bosque Manoel Jorge e ao Ginásio de Esportes ‘Jaime Nércio Duarte’, que concentram grande fluxo de pedestres, principalmente no período da tarde”, afirmou Felippe. O redutor de velocidade também foi instalado por profissionais da Divisão de Serviços da Coden.