Hortolândia retoma coleta seletiva por meio de contêineres

Por Roberto 01/07/2020 - 17:25 hs

Hortolândia retoma coleta seletiva por meio de contêineres
Coleta seletiva em contèineres é retomada em Hortolândia


A partir desta quarta-feira (01/07), a Prefeitura de Hortolândia retomou o serviço de coleta seletiva realizado por meio dos LEVs (Locais de Entrega Voluntária), que estava suspenso desde abril, para conter a disseminação da COVID-19. A ação, realizada por meio das secretarias de Serviços Urbanos e de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, faz parte do plano de retorno gradual das atividades de coleta seletiva no município.



A iniciativa segue as recomendações do Consimares (Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos da Região Metropolitana de Campinas) e prevê o retorno de forma gradativa das atividades da Cooperuni (Cooperativa de Produção, Coleta, Manuseio, Processamento e Comercialização de Materiais Reutilizáveis e Recicláveis Unidos para Vencer), parceira da Prefeitura. A medida visa garantir a proteção da saúde pública, dos colaboradores e a prevenção da disseminação do vírus.
 
Segundo o secretário de Serviços Urbanos, Francisco Raimundo da Silva, o objetivo é garantir que tudo aconteça com responsabilidade. “Com o passar dos meses, sentimos a necessidade de retomada gradativa das ações da coleta seletiva desenvolvidas no município de Hortolândia e estamos trabalhando para que tudo seja realizado com bastante segurança. Estamos somando esforços para proteger a todos do Coronavírus”, disse.



Todos os resíduos recicláveis que forem coletados nos LEVs serão destinados para a cooperativa. Os resíduos serão acondicionados em sacolões (big bags) por dois coletores cedidos pela empresa prestadora dos serviços de coleta de resíduos sólidos urbanos no município, utilizando todos os equipamentos necessários para a sua segurança, a fim de que seja realizada a quarentena de 72 horas para posterior manuseio pelas cooperadas.
 
Nesta etapa, o plano segue as diretrizes técnicas e jurídicas para a coleta seletiva e triagem de materiais recicláveis durante a pandemia de COVID-19, elaborada pelo Conselho Nacional do Ministério Público.



O serviço de coleta seletiva porta a porta, oferecido em 32 bairros e 13 condomínios da cidade, permanece suspenso, mas os PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulho e outros materiais recicláveis) continuam em funcionamento, em horário normal de atendimento.
 
A secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Nascimento Oliveira, ressalta a importância da ação. “Durante o período de três meses, os serviços da coleta seletiva foram suspensos no município por conta da pandemia. Houve suspensão também das atividades da Cooperativa que recebeu apoio da Prefeitura, através de Bolsa de Projeto Social e Cesta Básica. A coleta seletiva, além de contribuir para reduzir os impactos ambientais, contribui também com a limpeza da cidade e para o fortalecimento da cooperativa de reciclagem, gerando renda aos cooperados. É muito importante que cada morador separe seus resíduos e contribua com a coleta seletiva da cidade”, afirma a ambientalista.
 
O que são LEVs
 
Nos LEVs é possível descartar diversos tipos de recicláveis, tais como embalagens de vidro, garrafas pet, plásticos, papéis e papelões, isopor, copo descartável, entre outros materiais. Os LEVs recebem materiais 24h, todos os dias. Cada contêiner tem capacidade de armazenar 2,5 m³ de recicláveis.
 
Em Hortolândia, o serviço de coleta seletiva gratuita tem ainda a modalidade porta a porta, atualmente suspenso, e outros oito equipamentos de descarte voluntário, disponibilizados em todas as regiões da cidade, os PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulho e outros materiais recicláveis). Nestes é possível descartar também entulho e volumosos, como colchões, sofás e outros móveis inservíveis, lixo eletrônico (celular, computador, chapinha), entre outros. Em breve, a Prefeitura inaugurará mais cinco novos PEVs.



Confira onde há LEVs implantados:
 
1. LEV Parque Ortolândia – Praça Vereador José Costa Camargo, Rua Pastor Germano Riter - Próximo a Sabesp;
2. LEV Jardim Firenze - Rua Veneza, em frente ao Fórum;
3. LEV Jardim Amanda - Rua Tiradentes, em frente à lagoa
4. LEV Parque Chico Mendes - Rua João Mendes, s/n, Parque Ortolândia
5. LEV Jardim Everest - Rua Pico do Atalaia, 88
6. LEV Lago Da Fé – Av. Wesley Dias Rodrigues, Jardim Alvorada
7. LEV Vila Real - Av. São Francisco de Assis, Praça da Paróquia do Rosário
8. LEV Jardim Santa Esmeralda - Rua Turmalina
9. LEV Jardim Nossa Sra. de Fátima - Rua Cicero Ramos Meira- Escola Estadual Pastor
10. LEV Jardim Nossa Sra. de Fátima - Rua Albina Rodrigues Pereira - Praça do Pastel
11. LEV Jardim Nossa Sra. de Fátima – Rua Armelinda Espúrio da Silva,785, em frente à Emeb Josias da Silva Macedo
12. LEV São Sebastião (Contêiner Metálico) - Rua Pastor Ernesto Roth, 705
13. LEV Jardim Novo Horizonte - Rua Moacir de Souza Campos, em frente à Emef Taquara Branca
14. LEV Palácio das Águas - Rua José Claudio Alves Dos Santos, 585, Remanso Campineiro
15. LEV Câmara Municipal - Rua Joseph Paul Julien Burlandy, 250, Parque Gabriel
16. LEV Centro - Rua Luiz Camilo de Camargo, 630, Remanso Campineiro, Centro
17. LEV Remanso - Rua Alda Lourenço, Remanso Campineiro, na Praça Bambino
18. LEV E.E. Profa. Conceição Aparecida Terez Gomes Cardinales - Rua Visconde do Rio Branco, Jardim Amanda
19. LEV do Remanso das Águas - Estrada Municipal Sabina Batista de Camargo
20. LEV Creape - Rua Bolívia, 290 - Jardim Santa Clara do Lago II
21. LEV Orestes Ôngaro - Rua Domingos Batista de Souza, Praça ao lado do quiosque - Parque Orestes Ôngaro