Seja bem vindo
Santa Bárbara,20/06/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Pesquisa eleitoral irregular é suspensa em Sumaré

Fonte: Redação
Pesquisa eleitoral irregular é suspensa em Sumaré Vereador Lucas Agostinho, presidente do União Brasil


União Brasil requereu à Justiça Eleitoral a impugnação da pesquisa eleitoral realizada pelo Instituto Vox Brasil Opinião e Pesquisas LTDA.

Nesta quinta-feira (23), saiu o resultado em favor ao União Brasil, presidido pelo Vereador Lucas Agostinho, pela representação eleitoral de impugnação de pesquisa, por meio da Justiça Eleitoral, requerido no dia 18.

O processo é conduzido por conta que a pesquisa de intenção de voto apresenta ilegalidades que maculam o seu teor. Desta forma, a Justiça Eleitoral remeteu ao Ministério Público, que concordou com a não divulgação do resultado da pesquisa, “que estaria em desrespeito as normas e resoluções da Justiça Eleitoral”, segundo a Promotora de Justiça Eleitoral.

A Juíza Eleitoral Roberta Steindorff Malheiros, toma decisão favorável ao pedido de impugnação, requerida pelo União Brasil. A Juíza integra no processo “que a pesquisa de intenção de votos estaria eivada de ilegalidades, que assim prejudicariam sua legitimidade.

Em tom firme e também feliz com a vitória judicial, o Presidente do partido União Brasil, Lucas Agostinho pontua: “Não vamos tolerar esse tipo de pesquisa, sem critérios técnicos, que é publicada com o único intuito de confundir a cabeça do eleitor. Queremos saber quem está por trás desta empresa que veio de Barretos realizar esta pesquisa. A política ultrapassada não será tolerada no processo eleitoral, invocaremos o rigor da Lei sempre que necessário, para garantir um pleito democrático”.

Portanto, a empresa Instituto Vox Brasil Opinião e Pesquisas LTDA, fica proibida de divulgar e mencionar a pesquisa para a população.




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login