Exames laboratoriais em Nova Odessa não precisam mais de agendamento prévio

Por Roberto 15/02/2018 - 13:48 hs

Exames laboratoriais em Nova Odessa não precisam mais de agendamento prévio
Ambulatório de Especialidades de Nova Odessa



A partir desta quinta-feira, dia 15, quem necessitar de exame laboratorial em Nova Odessa não precisa mais fazer o agendamento prévio do atendimento. O paciente pode sair do médico com o pedido e ir diretamente ao laboratório colher os exames solicitados. A medida anunciada pela Secretaria de Saúde faz parte da implantação da informatização do setor.



“A Administração iniciou a informatização de todo sistema de saúde e o controle eletrônico dos pedidos de exames está entre os benefícios”, explicou o secretário interino de Saúde, André Faganello. Segundo ele, o objetivo da informatização é agilizar o atendimento aos pacientes, bem como melhorar o controle sobre os procedimentos realizados.



 “Com o sistema, conseguiremos evitar a repetição de determinados procedimentos, bem como identificar de forma mais eficaz a demanda que temos. Teremos um acompanhamento mais eficiente e, consequentemente, melhoraremos a aplicação do recurso público neste tipo de procedimento”, afirmou.



O secretário explicou que além da realização imediata do exame, sem o agendamento prévio, com a informatização os resultados de exames ficarão disponíveis no sistema para consulta dos médicos que utilizam prontuário eletrônico no ambulatório e unidades básicas de saúde. “O médico terá em suas mãos os exames já realizados pelo paciente, o que pode agilizar no momento do diagnóstico”, explicou.



André destacou que pacientes que precisarem repetir os exames por recomendação médica poderão refazer sem impedimentos. “Há pacientes que realizam periodicamente exames como forma de acompanhamento. Nestes casos, o médico terá um formulário especial para solicitar o exame”, disse.



A informatização do sistema é uma das normativas implantadas pela Secretaria de Saúde com o objetivo de agilizar o atendimento. “Buscamos com estas medidas facilitar o atendimento ao usuário da rede pública de saúde que não precisará esperar para realizar o exame e também o médico, que terá de forma rápida e prática informações importantes sobre o paciente”, concluiu.